O que visitar em Valência?

curiosidades-valencia

Valência é mundialmente conhecida, seja pela sua gastronomia, suas praias e festas típicas, a qual se desteca a Las Fallas (festa que enche a cidade de grandes monumentos que ardem sob o fogo para dar entrada à Primavera). Valência possui as seguintes características:

PaísespanhaEspanha
Populaçãopopulacao800 mil
Áreaarea134.65 km²
IdiomaidiomaEspanhol
Moedamoeda
Euro

Localizada na parte leste do país junto ao mar Mediterrâneo a cidade é a terceira cidade mais populosa da Espanha e sem sobra de dúvida uma das cidades mais belas do país.

Com mais de 2.000 anos de história, Valência é uma sobreposição de diferentes culturas como a cultura romana, visigoda, muçulmana e medieval.

A qual é possível reconhecer resquícios desta época em monumentos como a Lonja de la Seda, La Almoina a Torres de Serranos entre outras construções presentes em seu centro histórico.

loja-da-seda-valencia

E por mais que aparente, engana-se quem pense que a cidade de Valência parou no tempo, muito pelo contrário, a cidade de hoje é um símbolo de vanguarda europeu, sendo o palco de grandes construções do século XXI como a Cidade das Artes e Ciências o Palácio de Congressos de Norman Foster que estes por si só, já tornam a cidade uma referência na arquitetura.

Bem organizada e bela, a cidade consegue ter um centro histórico muito bem conservado, junto a uma arquitetura moderna e de vanguarda a poucos metros do centro acompanhada pelo Jardim de Túria que basicamente contorna a cidade e possui atividades esportivas durante dia e noite.

Alias, não são apenas as atividades esportivas que são frequentes, até mais do que isso são as apresentações de grupos e artistas de rua que tornam Valência uma cidade muito viva e vibrante.

artistas de rua valencia

Curiosidades sobre Valência

A cidade também é o palco de grandes eventos como o Grande Prêmio da Europa de F-1, Open Tênis 500, Moto GP, Fashion Week entre outros.

Um dos prédio mais estreitos do mundo, se não o mais estreito que existe, fica no centro histórico da cidade, sendo basicamente da largura de uma porta.

O Jardim de Túria com cerca de 6,5 km de comprimento está situado no leito do rio Túria e curiosamente foi construído quando se desviou o rio do seu curso natural, reutilizando o seu espaço como área de lazer.

jardim de turia

Turismo em Valência

A cidade proporciona a seus turistas muitos meios para que estes tenham um maior aproveitamento possível, disponibilizando desde mapas interativos da cidade a informações abrangentes em seu website oficial.

Considero que dois dias sejam o suficiente para se conhecer o centro histórico e alguns outros pontos turísticos da cidade, mesmo que de forma superficial. E é claro, caso tenha mais dias por lá, com certeza ainda encontrará coisas para fazer e conhecer.

Vale ressaltar que assim como outras cidades, Valência não decepciona no que diz respeito a visitar seus pontos turísticos seja durante o dia ou à noite, principalmente o centro histórico.

ruas-valencia

O que visitar em Valência?

Felizmente opções para se visitar em Valência é o que não falta, iniciando pelo centro histórico, a qual está localizado os principais pontos turísticos como a catedral de Valência, a loja da Seda (A Lonja de la Seda) o museu do Patriarca e claro suas praças e vielas que por si só já são uma atração.

Em torno do centro histórico também podem ser visto alguns dos antigos meios de acesso para a cidade, a torres de Serranos e torres de Quart.

Junto as isso há o extenso Jardim de Túria que contorna o centro histórico, tendo ao final de uma de suas extremidades uma das mais belas e principais atrações de Valência, a cidade das Artes e Ciências.

Saiba o que visitar em Valência, esta que é tida como uma cidade de vanguarda em que as artes e a ciência se mistura em harmonia fazendo desta uma das mais belas cidades espanholas.

 

cidade-das-artes-e-ciencias-de-baixo

Cidades das Artes e Ciências – Considerado um dos 12 tesouros da Espanha, a cidade das Artes e Ciências é um complexo cultural com estruturas muito peculiares que compreende o oceanário de Valência, o Palácio das Artes Rainha Sofia, o museu de Ciências príncipe Felipe entre outros.

catedral-de-valencia

Catedral de Valência – Catedral do século XIII com inúmeros estilos arquitetônicos e que segundo alguns guarda uma relíquia do período cristão. Sendo este um cálice que segundo a tradição, foi usado por Cristo durante a última Ceia.

torre-de-serranosTorre Serranos – Um dos 12 portões que faziam parte da antiga muralha da cidade. Foi construída por volta de 1398 e era a responsável por ser a o principal portão de acesso para a estrada real que fazia a conexão com outras cidades espanholas.

 

 

 

torres-de-quartTorre de Quart – Mais uma torre que fazia parte da muralha da cidade e que tem como característica, alguns sinais de bombardeios sofridos durante o cerco francês em 1808. Vale ressaltar que esta torre também já foi utilizada como uma prissão feminina assim como uma prisão militar.

 

 

loja-da-seda-valenciaLoja da Seda – Patrimônio da Humanidade pela Unesco de 1996 o prédio representa como poucos o estilo gótico civil valenciano e desde sua construção (em meados de 1500) é um símbolo de poder da burguesia da época e que hoje funciona como um museu.

 

 

praca-de-touros-valencia

Praça de Touros – Totalmente inspirada na arquitetura do antigo império Romano, para ser mais específico no Coliseu de Roma, a Praça de Touros está localizada na saída da principal estação de trem da cidade e proporciona a seu visitante além da história das touradas, um pouco da atmosfera deste evento tão tradicional na Espanha.

 

mercado-de-colombo-valencia

Mercado Colombo – Inaugurado em 1916 o mercado apresenta uma bela arquitetura que chama a atenção de quem estiver passando nas proximidades, no local é possível encontrar um comércio e restaurantes um pouco mais “gourmetizados”.

 

 

ruas-valencia

Centro histórico – Embora muitos dos pontos turísticos listados aqui façam parte do centro histórico de Valência, ainda assim há alguns não listados que valem a pena ser vistos como algumas construções antigas, paredes com artes urbanas, praças e vielas que guardam grande beleza e dão um tom pitoresco a região.

 

 

jardim-de-turiaJardim de Túria –  parque com cerca de 6,5 km de comprimento que está situado no leito do rio Túria, foi construído quando se desviou o rio do seu curso natural, reutilizando o seu espaço como área de lazer e dos mais variados tipos de esporte.

 

 

 

O que visitar em Valência, se sobrar tempo

estadio-mestallaEstádio Mestalla – atual casa do tradicional clube espanhol, Valência. O estádio foi fundado em 1919, estando muito bem localizado a cerca de 2 km do centro histórico e tem a capacidade para 49,500 pessoas.

 

 

 

Parque-gulliverParque Guliver – localizado no jardim de Túria, o parque Guliver é uma espécie de playground com inumeros escorregadores, e outros tipos para interação infantil com base no corpo de um boneco gigante que corresponde aos contos de Guliver.

 

 

 

praia-de-cabanyalPraia de Cabanyal – praia de Valência a qual é banhada pelo mar Mediterrâneo e apresenta um mar bem calmo. Outra característica do local é a presença de esculturas de areia que sempre estão presentes no local, graças a artistas locais que embelezam são um atrativo a mais.

 

 

mercado-central-de-valenciaMercado central de Valência – principal mercado de Valência e um dos maiores da Europa com cerca de 8 mil metros quadrados e um estilo arquitetônico admirável, o local comercializa produtos regionais e típicos espanhóis.

 

 

bioparc-valenciaBio parque – Tido como um dos melhores parques de animais do mundo, o Bio parque está localizado no leito do rio Túria e tem como objetivo inserir os visitantes no habitat dos animais e não vice-versa. Não se utilizando de grades ou cercas, mas sim de riachos e rochas para manter o ambiente o mais natural possível.

 

museu-do-patriarca

Museu Patriarca – Local que no passado tinha como principal tarefa a formação de sacerdotes, atualmente é um museu que conta um pouco da história do edifício, do contexto social, do clima religioso da Contrarreforma e da personalidade e patrocínio artístico do fundador, o arcebispo e patriarca Juan de Ribera.

 

museu-da-ceramica-valenciaMuseu da cerâmica – Construção do século 18, que desde 1949 expõe a importante colecção de cerâmica de D. Manuel González Martí e impressiona por sua parte exterior rica em detalhes e beleza.

 

 

 

Eventos em Valência

Assim como em toda a Espanha, datas e motivos para se festejar é o que não faltam…  mas em meio a todas as celebrações, há uma que se detaca, a Las Fallas.

Esta festa ocorre anualmente no dia 19 de março, (mesmo dia de São José) e se caracteriza pela a aparição de grandes alegorias em uma representação satírica que lembram muito os carros alegóricos do carnaval paulista e carioca (e diga-se de passagem com uma qualidade semelhante ou até mesmo superior). A qual são queimadas no centro da cidade.

las-fallas

Ingressos para atrações em Valência

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Post
museu-da-infancia-em-guerra

Museu da Infância em Guerra

Next Post
mesquita-de-cordoba

Os 12 tesouros da Espanha

Related Posts