Bordeaux é reconhecida como a capital mundial do vinho, e como se isto não basta-se, a cidade também é famosa por ser um centro da gastronomia e do turismo de negócios, para a organização de congressos internacionais.

Localizada no sul da França, Bordeaux possui as seguintes características:

PaísportugalFrança
Populaçãopopulacao258 mil
Áreaarea49.36 km²
IdiomaidiomaFrancês
Moedamoeda
Euro

Semelhante a outras cidades francesas e européias, os prédios localizados no centro da cidade não ultrapassam uma altura equivalente a 5 / 6 andares. Tendo como os seus mais altos edifícios, torres das igrejas, a qual se destaca a torre da Basílica de São Miguel (Basilica of St. Michael).

No que diz respeito ao transportes públicos, eles funcionam bem, tendo em conta que a cidade não é das maiores, e para os principais locais é possível se locomover por monotrilho, que é o principal meio de transporte público.

E sendo absorvido por uma cultura ecológica européia, a oferta de transportes alternativos como patinete e bicicletas, tanto pública ou privada também é grande.

Com cerca de 529 km o rio Garonne corta a cidade e vai do estuário do Gironde no porto francês de Bordeaux até o centro dos Pirenéus espanhóis.

vista-ponte-noite-bordeaux

Sendo as margens do rio um espaço bem conservado e amplamente utilizado para recreação, eventos públicos, entre outros que tornam este espaço público bastante procurado aos finais de tarde e principalmente aos finais de semana.

E falando em locais bastante frequentados, não é possível deixar de mencionar o alto volume de pessoas em bares e restaurantes durante toda a semana, até porque assim como já mencionado, a cultura gastronomica em Bordeaux é muito forte.

A região a qual se localiza Bordeaux tem uma forte tradição na produção de vinho, sendo a cidade rodeada por renomadas vinículas, o que consequentemente lhe dá uma associação a produtora de vinhos de qualidade.

Este é um status que a cidade zela em manter, tanto que em 2016 abriu um dos principais museus sobre o tema, que é a Cidade do Vinho (Cité du Vin).

cidade-do-vinho-bordeaux

Já no que diz respeito as partes negativas, é necessário mencionar a elevada quantidade de moradores de ruas e pedintes que existem no centro da cidade, este que acaba por ser um problema de grandes cidades, e infelizmente com Bordeaux não é diferente.

Curiosidades sobre Bordeaux

Antigamente a cidade fazia parte do império romano e em 1881 nas proximidades da torre da basílica de São Miguel foi encontrado um antigo cemitério galo-romano e catacumbas foram descobertos, com vários corpos naturalmente mumificados.

A cidade já foi reconhecida como a capital da França em 2 oportunidades. A primeira foi muito brevemente em setembro de 1914, durante a I Guerra Mundial, quando temia-se que Paris logo cairia nas mãos dos alemães, o que não acabou por ocorrer, ao menos até o período da II Guerra Mundial em que Paris foi invadida pelos alemães e em junho de 1940, Bordeaux foi a capital francesa pela segunda vez.

casas-bordeaux

Turismo em Bordeaux

Bordeaux não é uma grande cidade, de modo que 2 dias no máximo já é o suficiente para conhecer os principais pontos turísticos e sentir um pouco da cultura da cidade com uma certa tranquilidade.

Quanto a parte de hospedagem e econômica infelizmente as notícias não são das melhores, já que assim como grande parte das cidades francesas, dificilmente encontrará hospedagem a preços acessíveis e o custo que terá com alimentação também não será dos mais baixos, mas ambos com certeza são inferiores a Paris.

Para mais informações, recomenda-se uma visita ao site Bordeus-turismo, que conta com inúmeras dicas e planos de visitas guiadas.

O que visitar em Bordeaux?

A cidade conta com alguns locais reconhecidos como patrimônio Mundial da Unesco, embora eu muito honestamente não considere que exista locais icônico a qual todo viajante deva conhecer, o que não significa que não há belos locais para se conhecer.

O entorno da cidade pode ser também um grande atrativo caso tenha tempo para visitar algumas regiões mais afastadas, isto se não estivermos a considerar que é um amante de vinho, pois se for, a visita a regiões mais afastadas acaba por ser uma obrigação.

Dentre os principais pontos turísticos de Bordeaux, se destaca:

Cidade do Vinho

Cidade do Vinho (Cité du Vin) – Museu interativo que propicia a seu visitantes uma experiência sobre o tema, e conta com horas de material audiovisual para ensinar a história do vinho e como ele é feito ao redor do mundo.

 

monumento-gerondinos-bordeaux

Monumento aos Gerondinos – monumento com cerca de 43 metros de altura que homenageia os Girondinos (grupo político) que teve alguns de seus representantes guilhotinados pelos Jacobinos, durante a Revolução francesa.

 

catedral-bordeaux

Catedral de Bordeaux – Catedral Primacial de Santo André de Bordéus, é uma igreja católica romana dedicada a Santo André, e que desde 1998 foi designada pela UNESCO como um patrimônio Mundial.

 

place-de-la-bourse-bordeauxPlace de la Bourse – Edifício de 1730 é tida como a primeira praça aberta da Europa, é delimitada por dois pavilhões simétricos: o Palácio da Bolsa e a Alfândega. Visto a partir do espelho d’agua localizado em frente ao edifício, é garantia de uma bela foto.

 

basilica-bordeaux

Basílica de São Miguel (Basilica of St. Michael) – Construída entre o final do século XIV e o século XVI a basílica é um dos patrimônios mundiais da cidade, e tem como peculiaridade a sua torre sineira separada, com 114 metros de altura, construída no século XV.

 

jardim-publico-bordeauxJardim Público de Bordeaux – O jardim público no centro da cidade que abriga um arboreto, uma biblioteca e um Museu de História Natural, mas que é bastante procurado para a realização de piquiniques.

 

portao-cailhau-bordeaux

Portão de Cailhau – Construído entre 1493 e 1496 este monumento está localizado onde antigamente era um portão defensivo, e celebra a conquista do Reino de Nápoles pelo rei Carlos VIII.

 

darwin-bordeauxDarwin Eco-système – Apresentado como um experimento sociológico sem precedentes, Darwin Eco-système está localizado na margem direira de Bordeaux sendo um espaço alternativo com pistas de skate, galerias de arte, restaurantes entre outros.

 

O que visitar em Bordeaux, se sobrar tempo

parque-lermitage-bordeauxParque l’Ermitagerc des Coteaux – Parque natural localizada na margem direita do rio Garonne e que é um verdadeiro santuário ecológico, sendo o lar de uma grande variedade de flora e fauna. o local ainda propricia de uma bela vista para a Ponte Aquitaine.

 

chateau-smith-haut-lafitte

Château Smith Haut Lafitte – Este é um château que está aberto para visitação e proporciona uma excelente experiência a seus visitantes, embora este não seja o único a qual se recomenda visitar em regiões mais afastadas de Bordeaux.

 

Vídeo sobre Bordeaux

Ingressos para atrações turísticas em Bordeaux