Todo mochileiro que se preze, provavelmente já teve a experiência de dormir em aeroporto.

Embora este possa ser uma possibilidade impossível para alguns, para outros a prática de dormir em aeroporto acaba por ser um tanto comum.

Mesmo que atualmente os tipos de hospedagem sejam bem diversificados, ainda assim encontrar pessoas dormindo em aeroportos é um hábito cada vez mais corriqueiro, seja por questões financeiras, meios de transportes insuficientes no entorno do aeroporto ou apenas por ser uma alternativa viável diante de um voo nos primeiros horários do dia.

Seja qual for o motivo, a grande verdade e que a prática tem aumentado ao longo dos anos, não se limitando apenas a mochileiros.

Porém, nem todos os aeroportos são iguais, o que fará com que o viajante possa ter bons sonhos ou fazer da sua noite um verdadeiro pesadelo. E digo isso diante da estrutura do aeroporto, serviços que são executados no período noturno ou mesmo pela questão do aeroporto fechar ou não.

Caso você pretenda ter uma experiência que não seja muito negativa, recomenda-se dar uma olhada antes no site Sleeping in airports.

Dicas para dormir em Aeroporto

  • Chegue cedo – Uma vez que nem todos os aeroportos possuem uma boa estrutura, encontrar um bom local para ficar pode ser essencial.
  • Explore bem o aeroporto – Locais com pouca movimentação e mais afastados da área de embarque e desembarque são boas opções.
  • Não se limite ao seu terminal – Alguns aeroportos possuem terminais internacionais e domésticos e nem sempre o terminal que esteja possa ser o melhor local para ficar.
  • Esteja equipado – Itens como saco cama, óculos de sol e fones de ouvido são itens que podem ser muito úteis para dormir em aeroporto.
  • Proteja as suas malas – Nunca ouvi sobre casos de roubo durante a noite, ainda assim não custa nada dizer para manter suas bagagens junto ou amarrado ao seu corpo.
  • Não faça barulho – Não é porque você não está conseguindo dormir que os outros também não consigam, evite fazer barulhos para não ouvir o clássico “shhhhhhhhi”.
  • Esteja bem vestido – Por muitas vezes o frio bate forte durante a noite, não custa nada manter uma blusa próximo.
  • Fuja da mira dos seguranças – Cada vez mais os aeroportos têm se especializado em acordar os turistas, já que para este caso não há o que se fazer, nada impede que saia da área em que está concentrado a maioria dos turistas dorminhocos e encontro outro local mais afastado, caso o voo ainda demore e o sono ainda esteja presente.